Leitora Compulsiva

A Conquista, de Elle Kennedy #Resenha

a conquista elle kennedy resenha blog leitora compulsivaTítulo: A Conquista18

Série: Amores Improváveis #4

Autor(a): Elle Kennedy

Editora: Paralela

Ano: 2017

Páginas: 296

Tradução: Juliana Romeiro

Sinopse: AQUI 

Download do 1º Capítulo: AQUI

Onde Comprar o livro: Amazon, Livraria Cultura, Saraiva, Fnac, Submarino

Onde Comprar o E-Book: Amazon (Kindle), Livraria Cultura, Saraiva

***




No início desse ano, o terceiro livro da série Amores Improváveis foi lançado e arranjei um tempinho na minha agenda para ler os três primeiros livros de uma vez só… Fiquei apaixonada pela série e não via a hora de poder ler o quarto livro, completando assim a minha coleção!!

Por sorte, o lançamento de A Conquista aconteceu no mês passado e assim que recebi o meu exemplar pela parceria com a Paralela, me joguei na leitura!!

a conquista elle kennedy resenha blog leitora compulsiva

Sobre o que é “A Conquista”?

A Conquista” é o quarto e último livro da série Amores Improváveis (Off-Campus), que gira em torno de quatro amigos e companheiros do time de hoquei da Universidade de Briar. Os quatro rapazes dividem uma casa nos arredores da faculdade e são conhecidos por serem lindos e mulherengos… Rs!

Depois de acompanharmos a história de Garrett, Logan e Dean, chegou a vez de conhecermos mais a fundo o quarto morador da casa dos jogadores de hóquei, John Tucker, que no final do livro três jogou uma baita bomba sobre seus amigos… Nesse quarto livro descobriremos tudo o que aconteceu em sua vida até aquele momento!

Assim como Dean e diferentemente de Garrett e Logan, Tucker gosta muito de jogar hóquei, mas não sonha em se tornar um jogador profissional. Os planos do rapaz consistem basicamente em se formar e voltar para a cidadezinha no interior onde mora sua mãe. Lá ele abrirá um negócio com o dinheiro que herdou após a morte de seu pai e quem sabe arrumará uma boa esposa. Não que isso seja o que Tucker realmente deseja, mas ele prometeu para a mãe que voltaria e cuidaria dela…

É claro que esses são apenas planos para depois da formatura, então, enquanto isso, Tucker quer mesmo jogar hóquei e curtir tudo o que pode, incluindo as belas mulheres que dão muito mole para os atletas.

Sabrina James é uma aluna aplicada, série e ambiciosa. Seu comportamento acaba dando-lhe a fama de antipática! Quando Dean foi beneficiado em uma matéria por estar transando com a assistente, Sabrina ficou furiosa e não esconde seu ódio por ele, que se estende a todos os jogadores de hóquei que não precisam se esforçar e recebem tudo de mão beijada.

O sonho de Sabrina é ser aceita em Harvard e se tornar advogada. Só assim ela poderá se livrar da pobreza, das péssimas condições em que vive, do nojento ex-namorado de sua mãe que agora dorme com sua avó (Eca!), dos dois empregos e tudo o mais…

Em uma noite de chuva, Tucker e Sabrina acabam se esbarrando em um bar e, muito embora Sabrina tenha jurado não se envolver com jogadores de hóquei, os dois acabam se deixando levar pela atração sexual forte, claramente existente entre eles. Mas o que era para ser apenas uma noite sem compromisso, acaba mudando para sempre a vida desses dois!!

O que esperar desse livro?

“A Conquista” traz uma história perfeita para encerrar a série Amores Improváveis, trazendo para os holofotes personagens que até então eram mencionados rapidamente. John Tucker sempre foi o mais quieto dos rapazes e sabíamos sempre por alto que ele era o mais caseiro dos moradores da casa. Já Sabrina James foi apontada como uma chata cretina, que implicava com Dean por causa de bobagem…

E então, nesse último livro da série, somos realmente apresentados a esses personagens e descobrimos detalhes tristes sobre suas vidas. Sabrina tem uma vida tão miserável e se esforça tanto para ter boas notas que é perfeitamente normal que ela tenha um certo rancor por quem tem uma vida privilegiada de alguma forma!

Enquanto a autora muda a imagem que temos de Sabrina, ela acaba por reforçar a imagem de bom moço que temos de Tucker. Realmente ele é o mais família e para ele é difícil tomar decisões sobre seu futuro. Por um lado ele prometeu voltar para sua cidade e cuidar da mãe. De outro ele tem a chance de construir um futuro diferente com a mulher por quem se apaixonou!

“A Conquista” fecha com chave de ouro uma das melhores séries New Adult que li nos últimos tempos e quem é fã do gênero não pode perder Amores Improváveis!!

Sobre a autora e os outros livros da série…

Elle Kennedy cresceu nos subúrbios de Toronto, Ontario, e é bacharel em Inglês pela Universidade de York. Desde cedo, ela sabia que queria ser uma escritora, e começou a perseguir ativamente esse sonho, quando ela era adolescente.

A série Amores Improváveis Off Campus – é composta por quatro livros: O Acordo, O Erro, O Jogo e A Conquista. Cada livro tem como protagonista um dos quatro jogadores do time de hóquei da Universidade de Briar que dividem uma casa: Garrett Graham, John Logan, Dean Di Laurentis e John Tucker.

Apesar de cada livro ter uma história independente, é interessante ler os livros na ordem de publicação para evitar algum spoiler indesejado! Rs..

12 comentários sobre “A Conquista, de Elle Kennedy #Resenha

  1. Karina Carvalho

    Achei que fosse odiar a Sabrina ( e nas primeiras pgs ja adorava ela ), DEUS ME MANDA UM TUCKER …pq é impossivel alguem ter toda essa paciencia ! Pq a elle Kennedy faz a gnt sofrer tudo denovo ? Só acha que se a ultima frase do jogo não tivesse aquela revelação sobre o tucker ..A conquista tinha sido mais emocionante ( pq ja começamos sabendo o que vai acontecer com eles)…mas concordo que fechou com chave de ouro !

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Ká.
      Eu fiquei pensando sobre a autora ter dado aquele spoiler no final de O Jogo, mas acho que isso só me deixou mais curiosa para ler o quarto livro. Conforme eu ia conhecendo mais a Sabrina, já ficava pensando em como ela iria lidar com tudo o que viria pela frente!
      Acho que foi uma joga interessante da autora! Rs…
      Agora é torcer para os outros livros dela serem publicados por aqui!
      Beijos

  2. rudynalva

    Camis!
    Tucker parece ser aquele perfeito e que todas nós queremos em nossas vidas, não é mesmo?
    Ele soube conquistar direitinho, esperar o tempo certo e ir tomando seu espaço na vida e no coração de Sabrina, que pelo visto, não era tão chata quanto se imaginava.
    “Como eu não tenho o dom de ler pensamentos, eu me preocupo somente em ser amigo e não saber quem é inimigo. Pois assim, eu consigo apertar a mão de quem me odeia e ajudar a quem não faria por mim o mesmo.” (Desconhecido)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JUNHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

  3. Leticia Ramos de Mello Oliveira

    Olá, Camila!

    Tinha lido resenhas dos outros livros falando que a Sabrina era chata e dizendo que tinha medo de não gostar de A Conquista por causa disso, mas agora esse medo com certeza se tornou infundado, já que a raiva da Sabrina tinha um motivo: Não tolerar as vantagens que os jogadores na faculdade recebem só por serem jogadores, já que praticamente recebem tudo de mão beijada e ela tem que lutar muito para conseguir o que quer.
    Como boa parte desse livro se passa em paralelo aos outros livros, não sei se ler esse por último dá ou não um forte efeito, já que sabemos uma parte da história quando o John revela o que aconteceu em O jogo, mas ler primeiro A conquista com certeza dá spoilers dos livros anteriores, mesmo com essa peculiaridade.

    Um abraço!

  4. Márcia Saltão

    Oi, Camila!
    Como sempre comento, ainda não me decidi pela leitura dessa série. Mas lendo suas resenhas tão positivas, fico até curiosa! Quem sabe uma hora dessas eu me anime, né? Vá que eu me apaixone também!
    Linda resenha, como sempre.
    Beijinhos.

Deixe aqui seu comentário e ficarei muito feliz em responder!!!

%d blogueiros gostam disto: