Leitora Compulsiva

A Traidora do Trono, de Alwyn Hamilton #Resenha

a traidora do trono alwyn hamilton a rebelde do deserto resenha blog leitora compulsivaTítulo: A Traidora do Trono

Série: A Rebelde do Deserto #2

Autor(a): Alwyn Hamilton

Editora: Seguinte

Ano: 2017

Páginas: 496

Tradução: Eric Novello

Sinopse: AQUI 

Download do 1º Capítulo: AQUI

Onde Comprar o livro: Amazon, Livraria Cultura, Saraiva, Fnac, Submarino

Onde Comprar o E-Book: Amazon (Kindle), Livraria Cultura

***




Depois de me entusiasmar tanto com a trama criada pela autora Alwyn Hamilton em A Rebelde do Deserto, estava mais do que ansiosa para ler o segundo livro da série para saber o que iria acontecer com Amani!! Pedi então um exemplar pela parceria com o grupo Companhia das Letras e, assim que o livro chegou, já entrou para a minha lista de próximas leituras!

a traidora do trono a rebelde do deserto alwyn hamilton editora seguinte blog leitora compulsiva resenha

Sobre o que é “A Traidora do Trono”?

“A Traidora do Trono” é o segundo livro da série A Rebelde do Deserto, que conta a história de Amani Al’Hiza, uma garota de dezesseis anos, moradora da Vila da Poeira no deserto de Miraji.

No primeiro livro – A Rebelde do Deserto – conhecemos Amani e descobrimos que sua mãe foi acusada de assassinar o marido e condenada à pena de morte. Com a morte da mãe, Amani foi obrigada a morar um um tio desprezível. Seus únicos momentos de diversão eram aqueles em que ela fugia para treinar tiro. Com um futuro nada atraente pela frente, Amani decidiu então fugir da Vila da Poeira e, para isso, contou com a ajuda de Jin – um forasteiro misterioso – e de um cavalo mítico. Contando com a ajuda de Jin, Amani atravessou o deserto de Miraji e descobriu muitas coisas sobre ele e sobre a revolução que quer colocar fim ao governo tirano do sultão… Mas a principal descoberta de Amani foi sobre seu verdadeiro pai e sua herança poderosa. E com tudo isso, Amani acaba se tornando uma poderosa arma nas mãos dos rebeldes: a famosa Bandida dos Olhos Azuis!

Agora em “A Traidora do Trono” nos deparamos com uma nova etapa na vida de Amani e da revolução! Depois de encarar de frente as forças do sultão e quase perder a vida, Amani está de volta ao acampamento rebelde onde ajuda o Príncipe em suas pequenas missões. Em uma dessas missões, Amani encontra alguém de seu passado em quem acredita que pode confiar cegamente…

E é então que a garota acaba sendo traída e levada diretamente para o palácio do Sultão, onde se torna prisioneira! O ferro é usado para silenciar seus poderes e Amani não tem ideia de como irá escapar dali antes que o sultão descubra quem ela é de verdade! Mas Amani também entende que estar dentro do palácio e tão próxima do Sultão dá a ela a oportunidade de conseguir informações importantes, que podem ajudar os rebeldes.

A convivência com o Sultão é mais fácil do que Amani imaginava e quando menos espera, está questionando se o governante é mesmo o vilão dessa história. Será que o Príncipe Rebelde é mesmo o melhor indicado para assumir o trono?! Será que ele tem a firmeza necessária para manter a ordem? Será que ele é capaz de tomar as decisões mais difíceis?! Será que a rebelião está mesmo correta?!

O que esperar desse livro?

“A Traidora do Trono” não me decepcionou e é, com certeza, uma excelente continuação para a história de Amani! Apesar de ter um ritmo mais lento que seu antecessor, esse livro também é cheio de surpresas e reviravoltas, mas pega um pouco mais leve com as cenas de ação!

Depois de encarar tantas batalhas e tantas mortes, Amani já não é mais aquela menina cheia de sonhos que fugiu de uma cidadezinha esquecida no deserto de Miraji. Agora ela é a famosa Bandida dos Olhos Azuis e detém o poder de controlar as areias do deserto.

Mas mesmo com todo esse poder, Amani ainda é uma menina perdida que não sabe em que acreditar. Ela se juntou aos rebeldes por causa de Jin, mas nunca tinha se dado conta da dimensão dessa luta! E ainda não tinha se dado conta do tamanho de seu poder e da gravidade de suas ações… Nesse segundo livro Amani irá enfrentar muitos questionamentos e estará sozinha para encontrar as respostas!

Essa história vale muito a pena para os fãs de distopia que buscam algo diferente e original! Recomendo muito e estou ansiosa para saber como toda essa história irá terminar!!

Sobre a autora e seus livros…

Alwyn Hamilton nasceu em Toronto, no Canadá, e já morou na França e na Itália. Estudou história da arte no King’s College, em Cambridge, e atualmente vive em Londres. Tem o péssimo hábito de comprar livros demais para alguém que está sempre mudando de casa. (Fonte: Site da Companhia das Letras).

A trilogia A Rebelde do Deserto é composta até agora pelos livros: A Rebelde do Deserto e A Traidora do Trono. Infelizmente não existe uma previsão para o terceiro livro!

Para terminar, deixo com vocês um vídeo feito pela Seguinte com uma entrevista com a autora Alwyn Hamilton:

 

 

 

12 comentários sobre “A Traidora do Trono, de Alwyn Hamilton #Resenha

  1. Fernanda Alvarenga de Assis

    Ei Camis,

    Eu também estou adorando esses livros, fantasia ótima e adoro os personagens todos. Esse me deu muita angústia, principalmente no final. Adorei a forma como ela cria os personagens e vai mudando todos, para o bem o para o mal. E vc ora antagoniza ora simpatiza com eles, como Shira, Leyla etc.

    bjs

  2. rudynalva

    Camis!
    Tão bom ver um segundo livro ainda melhor que o primeiro de uma série, não é mesmo?
    Apesar de Amani ter amadurecido, ainda não a total dimensão de seus poderes e continua com um pouco de insegurança.
    E mesmo sem ter tanta ação quanto o primeiro, deve ser uma leitura bem agradável de ser feita.
    Desejo uma ótima semana!
    “Compreender que há outros pontos de vista é o início da sabedoria.” (Campbell)
    cheirinhos
    Rudy

    TOP COMENTARISTA ABRIL especial de aniversário, serão 6 ganhadores, não fique de fora!

  3. Márcia Saltão

    Oi, tudo bem?
    Ainda não li o primeiro, mas está na lista de desejados, assim como esse.
    Tenho certeza de que vou gostar, pois esse estilo de leitura prende minha atenção. E sempre encontro ótimos comentários sobre essa trilogia.
    Adorei a resenha!
    Beijos.

  4. Carolina Durães de Castro

    Oi Camila, tudo bem com você? Eu li essa continuação e gostei bastante. Teve pontos altos e baixos. Fiquei surpresa com quem a protagonista se reencontra (o passado definitivamente bateu na porta da casa da Amani rs), mas outros pontos deixaram a desejar, como a interação dela com alguns personagens. O final sem dúvida me surpreendeu e espero que o último livro seja tão bom quanto esse.
    Amei a sua resenha.
    Bjkas

  5. Marta Izabel

    Oi, Camis!!
    Estou bem interessada em ler esses livros mais infelizmente ainda não tenho previsão de ler A rebelde do deserto e A traidora do trono. Mesmo assim adorei a resenha!!
    Beijoss

Deixe aqui seu comentário e ficarei muito feliz em responder!!!

%d blogueiros gostam disto: