Leitora Compulsiva

A Bela e o Ferreiro, de Tessa Dare

tessa dare spindle cove a bela e o ferreiro leitora compulsivaTítulo: A Bela e o Ferreiro

Série: Spindle Cove #3,5tessa dare spindle cove a bela e o ferreiro leitora compulsiva

Autor(a): Tessa Dare

Editora: Gutenberg

Ano: 2016

Páginas: 144

Tradução: A. C. Reis

Sinopse: AQUI

Download do 1º Capítulo: AQUI

Onde Comprar o livro: Amazon, Livraria Cultura, SaraivaSubmarino

Onde Comprar o E-Book: Amazon (Kindle), Saraiva

***

Quem vem acompanhando o Leitora Compulsiva há algum tempo sabe que nem sempre eu fui fã de romances de época ou romances de banca. Só há pouco tempo é que comecei a acrescentar esse gênero no meu “repertório de leitura” e a responsável por isso foi, com certeza, a autora Tessa Dare.

Desde que comecei a ler a série Spindle Cove, publicada aqui no Brasil pela Editora Guteberg, fiquei apaixonada pela escrita dela e passei a enxergar o motivo pelo qual os romances de época podiam ser tão interessantes. Já li e resenhei os três primeiros livros da série: Uma Noite Para Se EntregarUma Semana Para Se Perder e “A Dama da Meia-Noite” (que inclusive leva um quote meu na orelha! rs…).

Agora no mês de maio, a Editora Gutenberg lançou o livro “A Bela e o Ferreiro”, que traz uma novela da série Spindle Cove, não devendo ser considerado como o quarto livro. O termo ‘novela’ aqui é usado da maneira técnica e indica que esse livro traz uma narrativa menor e menos complexa do que a de um romance, mas um pouco mais elaborada do que a de um conto. Com apenas 144 páginas, o livro acabou sendo considerado como intermediário entre o terceiro e o quarto livro, recebendo, por isso, o número 3,5! rs…

tessa dare spindle cove a bela e o ferreiro leitora compulsiva

“A Bela e o Ferreiro”, assim como aconteceu com seus antecessores, traz novos personagens para a posição de protagonistas, muito embora já sejam personagens já conhecidos pelos leitores por suas aparições nos livros anteriores.

Diana sempre foi a mais bonita das irmãs Highwood, mas sua saúde fragilizada pela asma sempre foi uma preocupação. Suas crises quase a mataram em sua infância e por isso ela nunca pôde ter uma vida normal como suas irmãs mais novas – Minerva e Charlotte. E foi justamente os problemas de saúde de Diana que levou a Sra. Highwood e suas filhas para Spindle Cove.

Apesar da asma da filha, a Sra. Highwood sempre teve certeza de que Diana estava destinada a um grande casamento, com no mínimo um duque ou um marquês. A obsessão da Sra. Highwood em ver Diana casada com um nobre sempre foi tanta que a garota nunca sentiu que sua vida lhe pertencesse. Bastava um nobre aparecer por perto que sua mãe já jogava Diana para cima do pobre coitado… Nem mesmo o casamento de Minerva com Lorde Payne fez com que a Sra. Highwood deixasse de sonhar com um casamento ainda mais vantajoso para Diana.

O que sua mãe não sabe é que, há algum tempo, Diana vem sentindo uma atração por Aaron Dawes, o ferreiro bonitão de Spindle Cove. Quando um garoto da vila se acidentou e precisou ter a perna amputada, Diana auxiliou Aaron a realizar o procedimento e desde então não mais conseguiu tirar o ferreiro da cabeça. Desde então ela vem guardando esse segredo, mas já não suporta mais esconder seus sentimentos. Diana já esgotou todas as suas desculpas para precisar dos serviços de Dawes. Ela só não imagina que seus sentimentos são correspondidos e que o pobre homem sofre por ela, por saber que não está à altura de Diana.

Mas então, pela primeira vez na vida, Diana decidi tomar as rédeas de sua própria vida! Ela sabe que não será fácil confrontar os desejos e planos de sua mãe, mas ela sabe que precisa arriscar…

Apesar dessa ser uma história curta e menos elaborada, é uma ótima leitura para quem acompanha a série. Diana Highwood esteve presente em todos os livros anteriores e, em princípio, parecia uma garota mimada, mas aos poucos foi mostrando que tinha muito mais a oferecer. Finalmente ela me ganhou nessa história! E o que dizer de Aaron Dawes? Ele é um personagem ótimo! Um típico cara grande, forte e bem másculo, mas que no fundo tem um coração enorme e que sonha com uma família…

Como essa é uma história menor que as demais, as coisas acontecem de forma muito mais rápida, mas nem por isso deixa de ser bem escrita e cativante!! Vale a pena!!

tessa dare spindle cove a bela e o ferreiro leitora compulsiva




18 comentários sobre “A Bela e o Ferreiro, de Tessa Dare

  1. Karina Carvalho

    Eu gosto de romance de epoca e mesmo assim não sei pq não leio mais ,…assim como ess resenha li outras por aqui e me convenci de que preciso sim ter Tessa Dare na minha estante ! Dica anotadíssima , bjus Camis.

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Rose.
      Essa história é mais simples, mas ainda sim é bacana!
      Eu adoro essa série! rs…
      beijos

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Thaís.
      Eu fiquei encantada com essa série e graças a ela comecei a ler outros romances de época!
      Vale a pena!
      Beijos

  2. Anna - Árvore dos Contos

    Oi, Camila!
    Inacreitável, mas ainda não li nada da Tessa Dare. Não vejo a hora, pois são tantos comentários empolgados de leitores, que só aumentam minha curiosidade. Pela sua resenha, vi que também gostou, apesar de ser uma história mais curta que as anteriores.
    Beijos e ótimas leituras!

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Anna.
      Comecei a ler romances de época com os livros da Tessa e ainda sou iniciante no assunto! rs…
      Pode ser que existam outras escritoras melhores, mas por enquanto ela está no topo da minha lista!
      beijos

  3. crisdesouza

    Oi, Camis…
    Apesar de amar romances de época, nunca li nada da Tessa Dare. Amei sua resenha e parece ser realmente um livro bastante cativante… Com certeza essa série entrou para a minha lista de leituras…
    Beijinhos…

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Cris.
      Espero que tenha a chance de ler.
      Estou adorando a história dessas mulheres da ‘vila das solteironas’! rs…
      beijos

  4. Leticia Ramos de Mello Oliveira

    Olá, Camilia!

    Mesmo sendo mais curto, já me conquistou. E essa mãe da Diana não consegue sossegar, mesmo com a irmã dela já casada com um Lord! Se uma já está casada com um lord, era já para deixar a Diana em paz. Mas ainda bem que ela se empoderou e foi atrás do Aaron sem ligar para a mãe.
    Mas fico pensando: No passado, amputação não era uma coisa limpa e sem muitos riscos como é hoje. Então a cena com a o Aarron e a Diana fazendo a amputação da perna do garoto acidentado não foi muito leve, não é? Mas não tão pesada quanto um equivalente histórico de E. R. ou Grey’s Anatomy porque é um romance de época?

    Um abraço!

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Lê.
      A mãe da Diana é meio louca, mas acho que agora aprendeu a lição! Se bem que ainda tem uma filha solteira! kkkkk
      A cena da amputação acontece no primeiro livro da série, mas a autora não chegou a detalhar nada (Ufa!). O interessante é que nesse livro podemos entender a importância de um ferreiro naquela época. Suas atribuições eram muitas e uma vila como Spindle Cove praticamente dependia de seus talentos. Bem interessante!!
      Nossa, nem vejo essas cenas nas séries médicas!! Senão tenho pesadelos!
      beijos

  5. Daiane Quinelato Marinho

    Oie, tudo bem?

    Eu sou apaixonada por romances de época! Tessa Dare é incrível, e fiquei apaixonada por Spindle Cove, a série que me apresentou sua escrita. Ainda não consegui ler esse livro, mas ele já está na minha listinha e na minha estante, só esperando para eu lê-lo.

    Beijos!

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Daiane!
      Espero que consiga ler esse livro em breve!!
      Estou doida pelo próximo já!!
      beijos

Deixe aqui seu comentário e ficarei muito feliz em responder!!!