Leitora Compulsiva

Um Sedutor Sem Coração, de Lisa Kleypas #Resenha

um sedutor sem coração lisa kleypas os ravenels arqueiro resenha blog leitora compulsivaTítulo: Um Sedutor Sem Coração

Série: Os Ravenels #01

Autor(a): Lisa Kleypas

Editora: Arqueiro

Ano: 2018

Páginas: 320

Tradução: Ana Rodrigues

Sinopse: AQUI

Download do 1º Capítulo: AQUI

Onde Comprar o livro: Amazon, Saraiva, Submarino

Onde Comprar o E-Book: Amazon (Kindle), Saraiva

***




No final do mês de fevereiro, fiz uma maratona com os três livros da série The Travis Family, da autora Lisa Kleypas! Fiquei tão encantada pela escrita da autora, que mergulhei imediatamente em um novo livro dela, dessa vez um de romance de época!

Um Sedutor Sem Coração é o primeiro livro da série Os Ravenels e foi lançado pela Editora Arqueiro no mês de março!

um sedutor sem coração lisa kleypas arqueiro resenha blog leitora compulsiva

Sobre o que é “Um Sedutor Sem Coração”?

“Um Sedutor Sem Coração” é o primeiro livro da série Os Ravenels e contra a história de Devon, um dos libertinos mais charmosos de Londres e um dos últimos integrantes da não muito bem conceituada família Ravenel. Após a morte de seu primo Theo, Devon acaba se tornando Conde de Trenear e, junto com o título de nobreza, herda também algumas propriedades, sendo a principal delas o Priorado de Eversby.

Muitos jovens ingleses estariam exultantes com essa herança repentina, mas Devon não está nada feliz com isso. Ser conde pode lhe dá um certo prestígio, mas Devon não quer saber de responsabilidades. O Priorado de Eversby está afundado em dívidas e tudo o que ele quer é se livrar do problema o mais rápido possível!

Junto com seu irmão mais novo West, Devon parte para o Eversby com a intenção clara de vender o máximo de terras e de coisas possíveis. Os planos de Devon se limitam a pagar as dívidas, se livrar dos problemas e voltar para a sua vida de boemia o mais rápido possível. No entanto, lá chegando, Devon descobre que a casa é habitada pelas três irmãs mais novas de Theo e também por Kathleen, a viúva de seu primo.

Dona de uma grande inteligência e uma língua afiada, Kathleen não esconde o quanto desaprova os planos de Devon. Ela não consegue acreditar que ele seja tão desprezível a ponto de destruir a vida dos arrendatários da propriedade e ainda jogar na rua suas jovens cunhadas. Mesmo sem qualquer autoridade, Kathleen toma para si a tarefa convencê-lo a mudar de ideia. E como Devon poderia resistir aos encantos da linda viúva de Theo?!

Quando menos espera, Devon se vê decidido a reerguer o Priorado de Eversby, mesmo que todos os seus esforços o levem à ruína, seja a de seus bolsos ou seja a de seu coração!!

O que esperar desse livro?

“Um Sedutor Sem Coração” traz uma romance de época delicioso, escrito de maneira tão atraente e com uma trama tão bem desenvolvida, que é praticamente impossível parar de ler! Mesmo que a história se passe em 1875, a linguagem utilizada pela autora é leve, fluída e fácil de entender, permitindo a compreensão até mesmo dos leitores menos experientes.

Devon é um tipo de personagem que parece meio fútil no início da história, mas que, aos poucos, vai adquirindo nosso respeito! A má vontade que ele demonstra diante do título e de sua herança é de dar nos nervos, mas felizmente Kathleen surge na trama, com toda a sua força e fibra moral, para lhe dar um chacoalhão e mostrar que a vida é mais do que diversão e libertinagem. Por causa dela, Devon descobre uma versão melhor de si mesmo e aprende que as coisas só melhoram quando as pessoas se dispõe a fazer alguma coisa!!!

Uma curiosidade sobre esse livro é que, apesar dele ter protagonistas bem definidos – Devon e Kathleen – diversos outros personagens tem um papel bem importante na trama. West, o irmão de Devon, é tão querido e especial, que cheguei a pensar que ele derrubaria Devon e assumiria o papel de protagonista!! Rs… O interessante desse destaque dado a personagens secundários é que, logo nesse primeiro livro, a autora já fez uma introdução das próximas tramas que serão abordadas em outros volumes.

“Um Sedutor Sem Coração” não foi apenas uma ótima leitura, mas também me mostrou o porquê da autora Lisa Kleypas ser conhecida como uma das grandes escritoras de romances de época da atualidade! Se eu já estava encantada com a sua escrita, agora estou verdadeiramente apaixonada!! Recomendo!!!

Sobre a autora e seus outros livros…

Renomada escritora de romances de época, Lisa Kleypas é autora best-seller do The New York Times e seus livros já foram traduzidos para mais de 20 idiomas. Depois de se formar na Universidade de Wellesley em Ciências Políticas, publicou seu primeiro romance aos vinte e um anos de idade. Em 1985, ela foi nomeada Miss Massachusetts e competiu o Miss America, em Atlantic City. Atualmente, Lisa Kleypas vive em Washington com o marido e dois filhos.

Pela Editora Arqueiro já foram publicadas duas séries da autora. A série Os Hathaways é composta pelos livros Desejos à Meia-Noite, Sedução ao Amanhecer, Tentação ao Pôr do Sol, Manhã de Núpcias, Paixão ao Entardecer. Possui um conto extra chamado Casamento Hathaway.   A série As Quatro Estações do Amor é composta pelos livros Segredos de uma Noite de Verão, Era Uma Vez no Outono, Pecados no Inverno e Escândalos na Primavera, com  um livro extra chamado Uma Noite Inesquecível

Um Sedutor Sem Coração é o primeiro livro da série Os Ravenels e a Editora Arqueiro já anunciou que os próximos livros se chamarão Uma Noiva Para Winterborne, Um Acordo Pecaminoso e Um Estranho Irresistível.

No Brasil temos ainda outra série da autora, publicada pela Editora Gutenberg, chamada The Travis Family. Essa série é de romances contemporâneos e é composta pelos livros A Protegida, A Redenção, A BuscaBrown-Eyed Girl (Ainda não publicado no Brasil). 

8 comentários sobre “Um Sedutor Sem Coração, de Lisa Kleypas #Resenha

  1. Renata Cezimbra

    Oi Camila! Tudo bem?
    Não faz muito li resenhas desse livro e confesso que estou extremamente curiosa para realizar a leitura porque achei a proposta primorosa! Mas bem que eu sou igualmente curiosa por outros livros da autora, especialmente a série das “Quatro Estações do Amor”, que teve um senhor boom de resenhas em 2016.
    Abraços e beijos da Lady Trotsky…
    http://www.galaxiadeideias.com/

  2. Leticia Ramos de Mello Oliveira

    Olá, Camila!

    Li outras resenhas de Um Sedutor sem Coração em que quem resenhou falou que não houve muita química entre Devon e Kathleen, mas que os coadjuvantes realmente roubam a cena e abrem mesmo os caminhos para os próximos livros da série. Um pouco disso eu penso que possa ter vindo da atitude inicial do Devon com a Kathleen, já que ele queria se livrar da vila e das dividas para voltar para a vida boemia. Mas não tenho como dar uma boa opinião sem ter lido o livro, somente imaginar.

    Um abraço!

Deixe aqui seu comentário e ficarei muito feliz em responder!!!

%d blogueiros gostam disto: