Leitora Compulsiva

Os Tambores do Outono II, de Diana Gabaldon

Título: Os Tambores do Outono (Parte 2)

Série: Outlander #4.2

Autor(a): Diana Gabaldon

Editora: Arqueiro

Ano: 2016

Páginas: 469

Tradução: Carolina Caires Coelho

Sinopse: AQUI

Download do 1º Capítulo: AQUI

Onde Comprar o livro: Amazon, Livraria Cultura, Saraiva, Submarino, Buscapé

Onde Comprar o E-Book: Amazon (Kindle), Livraria Cultura, Saraiva

***




Quem lê minhas resenhas aqui no Leitora Compulsiva há algum tempo já deve saber que eu venho acompanhando, quase religiosamente, a série Outlander, da autora Diana Gabaldon. Eu já desejava ler a série quando os livros eram publicados pela Editora Rocco, mas não tinha dinheiro para comprar os exemplares porque eles eram muito caros. Quando os livros começaram a ser lançados novamente aqui no Brasil pela Saída de Emergência, com um preço muito mais acessível, fiquei feliz da vida!!

Recentemente a Editora Aqueiro anunciou que será a responsável por dar continuidade às publicações da Saída de Emergência após o fim da parceria com a editora portuguesa, o que me deixou ainda mais feliz. Isso porque a Arqueiro tem uma organização impecável e uma agenda de lançamentos de dar inveja a muitas editoras. As séries são sempre lançadas com uma velocidade impressionante!

A primeira parte de ‘Os Tambores do Outono’, o quarto livro da série, foi lançada em março e resenhada em abril aqui no Leitora Compulsiva. Essa segunda parte foi lançada em maio, mas meu exemplar demorou um pouquinho para chegar e só agora consegui ler o livro sentar para escrever as minhas impressões sobre ele!

Sobre o que é ‘Os Tambores do Outono – Parte 2’?

Outlander é uma série bem grande e muito complexa! Apesar de haver uma história principal e personagens centrais, outras muitas tramas menores vão se entrelaçando, personagens vão surgindo e a coisa toda vai se tornando cada vez mais impossível se ser explicada e resumida! Mas vou tentar… kkkk

Basicamente a série gira em torno de Claire, uma inglesa muito dona de si que vivia no ano de 1945. Ela passou vários anos trabalhando como enfermeira durante a guerra e quando tudo terminou viajou com seu marido Frank Randall para a Escócia, numa tentativa de recuperar o tempo perdido do casamento. Mas então Claire tocou uma das pedras em Craig na Dun e viajou para o passado, mais exatamente para o ano de 1743. A partir daí, Claire se meteu em uma infinidade de confusões e, para escapar de uma delas, precisou se casar com o jovem Jamie Fraser. O marido arranjado acabou se tornando o grande amor da vida de Claire e por ele desistiu até mesmo de voltar a seu tempo! Mas as coisas não saíram como o planejado e ela foi obrigada a retornar para Frank. Já de volta ao seu tempo, Claire deu à luz à Brianna, filha de Jamie. Muitos anos se passaram até Claire finalmente reunir conhecimento e força para tentar voltar e reencontrar Jamie. Quando ela finalmente volta, percebe que seu talento para as confusões não a abandonou! Juntos, Claire e Jamie vivem aventuras de tirar o fôlego e quase são mortos muitas e muitas vezes.

Na primeira parte do quarto livro, Claire e Jamie estão na América, no ano de 1767. Eles acabaram indo parar na Carolina do Norte para encontrar uma tia de Jamie, Jocasta Cameron. Pela primeira vez, em muito tempo, Jamie e Claire se dão conta de que podem construir uma nova vida na América, onde ninguém os conhece e onde há muita terra para ser explorada. Apesar da segurança encontrada, Jamie e Claire decidem partir para o meio da floresta, onde pretendem construir uma propriedade e estabelecer raízes! Além das aventuras de Claire e Jamie, acompanhamos também um pouco da vida de Brianna e Roger  Wakefield, no ano de 1969. Brianna se sente muito só depois da partida da mãe e Roger se sente no dever de cuidar da moça, por quem está perdidamente apaixonado.

E finalmente chegamos à segunda parte do livro, que basicamente se concentra em Brianna e Roger. A garota, depois de descobrir algo muito importante sobre o destino de Claire e Jamie, decide tentar ir atrás da mãe para alertá-la sobre os perigos. E é claro que Roger não fica de fora dessa… Quando ele descobre o que Brianna fez, ele mesmo vai a Craig na Dun e faz a sua viagem…

Como os dois viajam separados, os capítulos começam a se dividir entre o que acontece com Brianna e o que acontece com Roger. Ao chegar na Escócia, a primeira coisa que Brianna faz é ir para Lallybroch, onde ela sabe que vivem seus tios e primos. Ela receia que possa ser mal recebida, mas a sua semelhança com Jamie Fraser é tanta que ninguém duvida que ela seja filha dele, então acaba sendo muito bem recebida. Ela reúne as informações que precisa sobre o paradeiro dos pais e de lá segue viagem para a América!

Enquanto isso, Roger finalmente consegue fazer a sua viagem no tempo, mas não precisa ir a Lallybroch, porque ele sabe muito bem onde Claire e Jamie estão. Como ele não tem como pagar pela viagem de navio à América, consegue um emprego em um navio e parte atrás de Brianna. Finalmente ele encontra a moça, mas as coisas não saem como o esperado e Roger acaba partindo em uma missão, deixando Brianna sozinha para encontrar os pais. Pelo menos ela consegue encontrá-los!

E junto de Claire e Jamie, Brianna terá que encarar desafios ainda mais duros: precisa encontrar uma forma de conviver com esse novo pai, aprender a viver sem os luxos e comodidades do futuro e, o pior de tudo, precisará enfrentar uma gravidez inesperadas e todas as implicações que vem com ela!

O que esperar desse livro?

Depois de ler tantos livros dessa série, eu imaginava que nada mais pudesse me surpreender nessa história… Engano meu! Mesmo já sabendo que a autora Diana Gabaldon fez doutorado em Ciências da Crueldade com Personagens Literários (Rs!), esse livro me deixou emocionalmente acabada!! Tô chegando à conclusão que Lúcifer nasceu de um encontro entre a Diana Gabaldon e o George R.R. Martin, viu?! Rs…

E apesar de toda essa desgraça e de todo o sofrimento dos personagens, continuo admirada com o talento da autora em costurar as pequenas histórias na trama principal. Ela cria um personagem em um livro e ele some… Duas mil páginas depois, o personagem volta à cena pronto para causar outra vez! A autora definitivamente não dá ponto sem nó!

O quarto volume, em geral, é uma incrível continuação à história de Claire e Jamie, que agora passam a ser acompanhados por Brianna e Roger! Mesmo com todas as dificuldades enfrentadas pelos personagens, essa é uma história maravilhosa sobre todo tipo de amor!

Novamente vale dizer que essa não é uma leitura para iniciantes e nem mesmo para leitores muito novos. A leitura exige muito do leitor e por isso indico essa série apenas para quem já está em um nível mais avançado!

Sobre os próximos livros…

Até agora já foram lançados 4 livros da série, sendo que, a partir do terceiro volume, os livros precisaram ser divididos em duas partes. Dessa forma, temos: A Viajante do Tempo, A Libélula no Âmbar, O Resgate no Mar – Parte IO Resgate no Mar – Parte II e Os Tambores do Outono – Parte I e Os Tambores do Outono – Parte II.

Os próximos livros são: A Cruz de Fogo – Parte I e Parte II, Um Sopro de Neve e Cinzas – Parte I e Parte II, Ecos do Futuro – Parte I e Parte II, Escrito em Sangue do Meu Próprio Coração – Parte I e Parte II.

Arqueiro outlander os tambores do outono parte 1 leitora compulsiva

14 comentários sobre “Os Tambores do Outono II, de Diana Gabaldon

  1. Cristiane de Souza

    Oi, Camis…

    Suas resenhas dessa série são incríveis… Até hoje não li nenhum livro da série Outlander, mas pretendo ler em breve… E confesso que não sabia que ainda tem tantos livros para serem lançados…
    Beijinhos…

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Cris.
      Essa série é sensacional, mas é preciso ter estômago para ela!! Não é fácil aguentar tanta desgraça que acontece com os personagens!! rs…
      São vários livros sim, mas a história é tão boa que nem ligo! Quanto mais, melhor! rs…
      beijos

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Lê.
      Eu gosto mesmo!!
      Essa série é do coração! É uma das poucas que me faz fugir da realidade!!
      Beijos

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Ai, Jô…
      Nem me diga uma coisa dessas… Eu tenho as duas partes do volume cinco aqui e estou me coçando para ler…
      Se eu não tivesse tanto livro na fila, me jogava nessa leitura!!
      Beijos e obrigada pela visita

  2. Márcia Saltão

    Oi!
    Lendo suas resenhas, mais ansiosa e curiosa fiquei para ter em mãos esses livros! Ainda não vi a série (sou viciada em séries também!), mas está na minha lista, assim como a leitura desses livros também. Entre os livros e a série na tv, você nota muita diferença ou dá para acompanhar ambos sem ficar muito confusa? Beijos!

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Márcia.
      Eu só consegui ver os primeiros dez ou doze episódios da série de TV, mas me pareceu muito bem produzida e fiel ao livro.
      Acho que a autora tem participação no roteiro… Daria para acompanhar a série de TV numa boa!
      Eu sempre prefiro os livros porque são mais ricos em detalhes, mas a série, até onde eu vi, está muito boa!
      Beijos

  3. Leticia Ramos de Mello Oliveira

    Olá, Camila!

    Sim, é um livro complexo e agora dá para entender o porque as histórias de Claire e de Brianna serem contadas nesses dois volumes, porque elas iriam se reencontrar. E como todo mundo sofre até isso acontecer… e depois também!
    Ah, a Arqueiro já definiu os nomes até do livro mais recente da série! Isso que chamo de organização! E não vou reclamar do nome em português do ultimo livro (Escrito em sangue do meu próprio coração) porque mesmo em inglês o nome já era um pouco estranho!

    Um abraço!

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Lê,
      Na verdade os nomes dos livros ainda não foram definidos pela Arqueiro.
      Desculpe mas achei que tinha colocado na resenha a informação de que esses títulos foram dados às edições da Rocco. Como os primeiros livros da Arqueiro ficaram com o mesmo nome, foi automático para mim pensar que isso iria continuar, mas pode haver mudanças sim… Vamos ver!
      beijos

  4. Herida Ruyz

    Ai Camila!
    Eu amo essa série, mas estou em pânico com o que vc escreveu. Não “guento” mais desgraça entre Claire e Jamie!
    Ainda não li Tambores, será o próximo e já estou me preparando para a agonia. rsrs
    ótima resenha!
    Bjs

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Hérida.
      Sinto dizer, mas a desgraceira é genética, viu?!
      A coisa não está mais só feia para a Claire e para o Jamie, mas agora também para a Brianna!
      Ai que dor no coração…
      beijos

Deixe aqui seu comentário e ficarei muito feliz em responder!!!