Leitora Compulsiva

Mil Pedaços de Você, de Claudia Gray

Mil Pedaços de Você Claudia Gray Leitora CompulsivaTítulo: Mil Pedaços de Você

Série: Firebird #1

Autor(a): Claudia Gray

Editora: Agir Now / Harper Collins Brasil

Ano: 2015

Páginas: 288

Tradução: Gabriela Froés

Sinopse: AQUI

Download do 1º Capítulo: AQUI

Onde Comprar o livro: Amazon, Livraria CulturaSaraiva, Fnac, Submarino, Buscapé

Onde Comprar o E-Book: Amazon (Kindle), Livraria Cultura

***

Alguns livros chamam nossa atenção pela sinopse, outros pela capa e alguns por quem o escreveu… Mas o melhor mesmo é quando a gente encontra um livro de um autor que já conhece e gosta, que tem uma capa linda e com uma sinopse que nos deixa curiosos! rs… Quando isso acontece comigo, o livro vai para o topo da lista de desejados!! E quando a Agir Now anunciou o lançamento de ‘Mil Pedaços de Você’ da autora Claudia Gray, eu sabia que tinha que ler esse livro. Foi amor à primeira vista!!!

Há alguns anos li os dois primeiros livros da série ‘Noite Eterna’ e até hoje lamento não ter conseguido ler a série até o final. Infelizmente demorei para conseguir os volumes seguintes e outras leituras foram entrando na frente… Estou sempre olhando para essa série na minha estante e planejando sentar e ler tudo até o final, mas nunca consigo. Mas mesmo sem ler essa série toda, me tornei fã da escrita da autora e passei a acompanhar sua carreira.

Curiosamente, a série ‘Noite Eterna’ e outros dois contos que li dela tinham temas sobrenaturais, mas seus livros mais recentes se voltaram para a ficção científica e a Claudia Gray inclusive é a responsável por uma das histórias oficiais de Star Wars! Como eu também sou fã de ficção científica, não tenho do que reclamar! rs…

Mil Pedaços de Você Claudia Gray Leitora Compulsiva

Sobre o que é ‘Mil Pedaços de Você’?

‘Mil Pedaços de Você’ conta a história de Marguerite Caine, uma jovem americana de 18 anos, filha de dois cientistas brilhante: Sophia Kovalenka e Henry Caine.  Sua casa sempre foi um abrigo dos jovens gênios aprendizes de seus pais e Marguerite cresceu em meio a teorias e fórmulas! Mas mesmo sendo filha de cientistas, Marguerite nunca quis seguir a carreira dos pais… Sua vocação são as artes plásticas e a garota é um talento com pincéis e tintas!

Há muitos anos, Sophia Kovalenka desenvolveu uma teoria sobre as diversas dimensões quânticas e sobre a possibilidade de transferência de energia entre elas, mas poucos cientistas levaram isso a sério. No entanto Henry Caine, outro renomado físico, acreditou em tudo aquilo e decidiu viajar até os Estados Unidos para conhecer a cientista por trás da teoria. Eles se apaixonaram, tiveram duas filhas e criaram um trabalho incrível juntos.

Após 24 anos de trabalho, finalmente eles conseguiram desenvolver um aparelho que permite que a mente humana viaje entre as dimensões, o Firebird. Mas então o aparelho é roubado, os freios do carro de Henry são sabotados e ele é assassinado! Todas as provas e o sumiço de Paul Markov, um dos assistentes mais queridos do casal, levam a crer que ele é o vilão nessa história e que ele fugiu para outra dimensão para escapar de seu crime.

O que Paul não sabia é que Theo Beck, o outro assistente de Sophia e Henry, guardou os antigos protótipos e conseguiu fazer as modificações necessárias para que eles funcionassem. Com dois protótipos em mãos, Theo se encontra com Marguerite e conta seu plano: seguir Paul para outras dimensões e vingar a morte de Henry! E na mesma hora, Marguerite sente que deve ir junto: se alguém tem que matar Paul, esse alguém é ela!!!

E é assim que começa a aventura de Theo e Marguerite. Em seu primeiro salto, Marguerite acaba indo parar em Londres, onde vive a Marguerite daquela dimensão… Afinal, é assim que os saltos funcionam: as pessoas só podem ir para uma dimensão onde elas existem…

“Pessoas vivas ó podem viajar para dimensões onde elas já existem. Uma dimensão em que meus pais nunca se conheceram, por exemplo, é uma que eu nunca poderei ver. Uma dimensão em que já estou morta? Também não tenho como chegar lá a partir daqui. Porque quando alguém viaja para outra dimensão, na verdade se materializa dentro daquela versão de si mesmo. Onde quer que a sua outra versão estiver, o que quer que esteja fazendo, é lá que você estará.”

Em Londres, Marguerite tem seu primeiro encontro com Paul e as coisas não saem exatamente como o esperado. Quando ela partiu nessa aventura com Theo, tinha certeza de que Paul tinha matado o seu pai, mas ao encontrar com o garoto, diversas dúvidas começam a surgir em sua mente… Será que aquele Paul que praticamente morava com eles seria capaz de fazer algo tão horrível? Será que outra pessoa poderia ser o assassino de seu pai?

Para chegar às respostas que ela tanto procura, Marguerite terá que saltar mais algumas vezes e ir ao encontro de Paul. Em cada salto ela precisa aprender a se comportar como sua versão daquela dimensão e a tarefa não é fácil, já que em uma delas ela é da nobreza russa, na outra moradora de uma estação no meio do oceano…

O que esperar desse livro?

Mil Pedaços de Você Claudia Gray Leitora CompulsivaConfesso que eu tinha grandes expectativas sobre esse livro, principalmente porque eu adoro YA’s … e felizmente não me desapontei! rs…

‘Mil Pedaços de Você’ é um livro muito bem escrito, com personagens cativantes e uma trama envolvente! O livro traz, na medida certa, uma mistura de ficção científica com história de amor, além de uma pequena dose de investigação de assassinato.

A história começa dois dias após o assassinato do pai de Marguerite, quando Theo revela seu plano para Marguerite e logo os dois partem atrás de Paul. Com isso, somos pegos de surpresa em um primeiro momento, sem nenhuma introdução para explicar o que está acontecendo… Mas então Marguerite, a narradora do livro, começa a divagar e ter lembranças de sua infância, de seus pais, de Theo e de Paul. E é então que começamos a ter uma ideia mais clara de tudo o que está acontecendo!

Além disso, Marguerite foi uma personagem que me cativou. Apesar de não ser uma cientista como seus pais ou sua irmã, a garota é muito inteligente. Apesar do sofrimento pela perda do pai, ela encontra forças para embarcar em uma missão, mesmo que não tenha ideia do que vai acontecer! E quando ela se depara com as situações mais inusitadas, ela consegue segurar a onda e tomar boas decisões. Ela aprende rápido e isso conta muito a favor dela!

Sobre o Theo posso dizer que ele me incomodou logo de cara. Azedei com ele e não teve jeito de gostar dele. Ele passou o livro todo tratando Marguerite como uma menininha boba, sempre dando ordens… Me incomodo demais em alguns personagens masculinos, que sob o pretexto de proteger a garota, acabam tratando ela como uma bestinha e Theo é bem desse tipo…

Paul é um personagem misterioso e prefiro não falar muito dele para não estragar a leitura! rs…

Sobre os próximos livros…

Mesmo antes de começar essa leitura eu já sabia que haveria uma continuação, porque desde o início a editora anunciou que Firebird seria uma trilogia. Apesar disso, esse livro tem uma boa conclusão, sem deixar o leitor naquele desespero pela continuação, o que para mim é um bom ponto a favor!!

Apesar disso, quem quiser ler esse livro agora vai se dar bem, já que o segundo volume da trilogia – ‘Dez Mil Céus Sobre Você – acaba de chegar às livrarias!! Nesse segundo livro, Marguerite terá que encarar uma nova missão e voltará a saltar entre dimensões!

Estou doida para ler esse segundo livro e com certeza recomendo essa história para quem curte YA’s!!

mil pedaços de você claudia gray leitora compulsiva agir now harpercollins



10 comentários sobre “Mil Pedaços de Você, de Claudia Gray

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Ká.
      Adorei essa mudança temática da autora.
      Não que eu não continue gostando de histórias de vampiro, mas acho que ela fez bem em diversificar!!
      Fiquei super empolgada com essa história e li rapidinho!
      beijos

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Vi.
      Essa capa é linda demais!
      Eu me apaixonei quando vi. E a capa do segundo livro é linda também.
      beijos

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Lê.
      O Theo é um babaca!! Sabe aquele cara que acha que é fodão, mas no fundo é um idiota? Pois é… Ele me irritou porque ficava o tempo todo dando ordens para a Marguerite e dizendo no que ela devia acreditar!! Chato!!! kkkk
      Beijos

  1. Leticia Ramos de Mello Oliveira

    Olá, Camila!

    Gostei muito da ideia de Mil pedaços de você, incluindo essa abordagem dos universos paralelos que é feita na trama, que ao invés do clássica e arriscada entrada em um universo paralelo onde pode ter o risco de encontrar uma outra versão de si mesmo (Tipo como ocorre na segunda temporada da série clássica de Doctor Who. Só lembrar do Mickey Smith!), a Claudia investiu em uma verdadeira “encarnação” em uma outra versão, o que é bem plausível e realístico do que um encontro de clones.
    Mas fico pensando, se a Marguerite só pode entrar dentro de si mesma, ela pode muito bem cair em um universo que o Paul não esteja ou que até mesmo um que o Paul não tenha viajado? Se a autora explorou bem esse tema, deve ter brincado com isso na trama provavelmente, não é?

    Um abraço!

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Lê.
      Gostei muito dessa abordagem que a autora fez das ‘viagens entre dimensões’. Achei mais interessante a ideia de que somente energia pode transitar entre as dimensões e que a mente humana é uma energia, então para mim fez mais sentido e colocou um limite interessante aos personagens. E ela explica bem essa coisa da pessoa só poder ir para uma dimensão em que ela exista, mas para não enrolar muito, se limitou a colocar os personagens juntos nas dimensões. Não faria muito sentido a Marguerite ir para um lugar em que o Paul não existe porque não teria muito para contar! rs…
      beijos

Deixe aqui seu comentário e ficarei muito feliz em responder!!!

%d blogueiros gostam disto: