Leitora Compulsiva

A Viúva, de Fiona Barton #Resenha

a viúva fiona barton intrinseca blog leitora compulsivaTítulo: A Viúva

Autor(a): Fiona Barton

Editora: Intrínseca

Ano: 2017

Páginas: 304

Tradução: Alexandre Martins

Sinopse: AQUI 

Download do 1º Capítulo: AQUI

Onde Comprar o livro: Amazon, Livraria Cultura, Saraiva, Fnac, Submarino

Onde Comprar o E-Book: Amazon (Kindle), Livraria Cultura, Saraiva

***




A viúva fiona barton intrinseca blog leitora compulsivaNo mês de fevereiro a Intrínseca lançou o livro “A Viúva”, da autora Fiona Barton. Pela sinopse percebi se tratar de um thriller psicológico e achei que era o tipo de livro que eu curto! Como não sou boba, pedi logo um exemplar pela parceria.

Assim que o livro chegou – junto com um kit incrível – a primeira coisa que percebi foi a beleza e o cuidado da edição. As laterais das páginas são pretas e isso dá um efeito incrível no livro!!

a viúva fiona barton intrinseca blog leitora compulsiva

Sobre o que é “A Viúva”?

“A Viúva” conta a história de Jean Taylor, uma mulher que sempre se dedicou a ser a esposa perfeita. Jean se casou jovem, acreditando ter encontrado o príncipe encantado. Glen era um homem bonito, bem sucedido e ambicioso… E a amava! O que mais ela poderia querer?!

Jean Taylor sempre foi uma mulher leal e nem mesmo quando o marido começou a agir de maneira estranha ela questionou suas ações. Nem quando ele foi mandado embora do emprego. Nem quando passou a ficar horas trancado no escritório em frente ao computador… Jean não duvidou do marido quando ele disse que tudo ia melhorar!

E quando Glen foi acusado de ser o responsável pelo desaparecimento de Bella Elliott, uma garotinha linda de apenas dois anos, Jean se manteve firme ao lado do marido e repetiu incessantemente tudo o que ele lhe mandou dizer!

Mas agora o Glen está morto e Jean está farta de tantos segredos, de tantos repórteres na porta de sua casa, dos olhares acusatórios, das cartas e ameças… É por isso que, quando a habilidosa repórter Kate Waters bate à sua porta, ela decide que já está na hora de contar a sua versão de todos os acontecimentos.

O que esperar desse livro?

Os anos de experiência de Fiona Barton como jornalista deram a ela a mão perfeita para escrever esse thriller psicológico sensacional!! Acostumada a contar histórias e cativar o público com suas reportagens, Fiona Barton não parece ter tido dificuldade em elaborar uma trama tão complexa e envolvente, capaz de instigar os leitores e deixá-los ansiosos por mais um capítulo.

O livro todo traz uma alternância entre presente e passado. A história já começa com a morte de Glen e a entrada de Kate Waters em cena para arrancar uma boa matéria de Jean Taylor. Ao mesmo tempo vamos acompanhando o desenrolar do desparecimento da pequena Bella Elliott e da investigação do detetive Bob Sparkes, que levou à prisão e ao julgamento de Glen Taylor. Toda essa estrutura deixa o livro ainda mais intrigante!

Vale destacar que, apesar desse livro ser um thriller, ele tem um tipo de narrativa diferente, um pouco mais lenta do que alguns podem esperar. Isso porque o livro tem pouca ação, concentrando-se muito mais no lado psicológico dos personagens do que no lado investigativo em si…

Para quem curte o gênero, esse livro é uma ótima indicação!!

Sobre a autora e seus outros livros…

Fiona Barton é uma experiente jornalista que trabalha capacitando novos profissionais pelo mundo afora. Antes, foi repórter do The Daily Mail, chefe de reportagem do The Daily Telegraph e repórter especial do The Mail on Sunday, onde conquistou o prêmio de Jornalista do Ano pelo British Press Awards. A viúva é o seu primeiro romance. Nascida em Cambridge, na Inglaterra, atualmente mora no sudoeste da França.

42 comentários sobre “A Viúva, de Fiona Barton #Resenha

  1. rudynalva

    Camis!
    Interessante ver a habilidade da jornalista para desenvolver um bom triller psicológico que conquista e prende o leitor.
    Vou ler o primeiro capítulo e ver se já me conquista…
    Desejo uma semana abençoada!
    “A simplicidade é o último degrau da sabedoria.” (Khalil Gibran)
    cheirinhos
    Rudy

    TOP Comentarista de MARÇO, livros + KIT DE PAPELARIA e 3 ganhadores, participem!

  2. Daniele

    Ola, Camila,
    Eu gostei muito do livro, tinha vários suspeitos e foi por isso que o final foi meio sem graça pra mim. Mais recomendo a leitura. só queria um final reviravolta sabe, tipo ninguém imaginava que o responsável era tal pessoa., mais ta bom…kkkk
    Beijos
    Boa semana!

  3. Raíssa - Livros Românticos

    Gosto muito de Thrillers Psicológicos, a capa desse livro me lembrou muito Ninféias Negras da Arqueiro… kkkk… Não conhecia esse lançamento e fiquei bem interessada no que apresentou em sua resenha. Espero gostar como vc quando fizer a leitura.

    Raíssa Nantes

  4. Helyssa

    Oi, já vi esse livro é a edição me chamou, junto com a sinopse. Adoro o gênero e eles está na minha lista de comprasestou ansiosaosa pela leitura. Bjs

  5. Beta Oliveira

    Oie! Tem um lado meu – jornalista – que ficou atiçado e curioso para ler este livro. No entanto, tem outro lado que sabe que não dá conta de nada tenso neste momento. Mas vou guardar a indicação, vai que a maré muda, né? Beijos!

  6. Jennifer Silva

    Olá! Nossa, adorei a sua resenha. Achei super interessante o fato da história se alternar entre o passado e o presente, e é fascinante a autora trabalhar o lado psicológico dos personagens,Jean deve ter amado muito o seu marido para não ter contado o que sabia, ou talvez eu esteja enganada e tem muito mais nessa história kk. Parece conter um enredo realmente envolvente. Já vou adicionar a minha lista, bjss!

  7. Leticia Ramos de Mello Oliveira

    Olá, Camila!

    O curioso em jornalistas que escrevem livros é que eles tem uma base de fatos que eles contaram ao público tão grande que pode dar origem a grandes histórias. Sabe aquela história do “Nada se cria, tudo se copia.”? No caso da Fiona, ela “copiou” (coloco aspas porque, como em qualquer história criada, o autor dá sempre o seu toque) o famoso caso Madeleine, lá de 2004 e nunca resolvido, já que em “A viúva” a Bella é a garota desaparecida da vez. Mas o toque dela é realmente contar um ponto de vista que muitos imaginam, mas ninguém conta ou em muitos casos, nem tem compaixão por esse lado: O dos parentes dos suspeitos. E jogar com o fato de a esposa do suspeito saber ou não alguma coisa sobre o crime foi a maior sacada desse livro!

    Um abraço!

  8. Yohanna

    Fiquei super intrigada com a capa mas estava com medo de não gostar. Já adicionei na minha imensa lista de leituraas para 2017! Bj :*

  9. Bia coelho

    Olá
    É a segunda resenha desse livro que leio e que fico louca pela premissa, a autora parece se soube jogar com o leitor e com toda certeza o seus anos de Jornalista a ajudaram muito. Amei sua resenha ficou perfeita e me deixou mais instigada a fazer a leitura desse livro. A capa está maravilhosa. Parabéns pela resenha ficpi ótima .
    Beijos!

  10. anastaciacabo

    Oie tudo bem?! Toda a resenha que vejo desse livro me desperta totalmente… Já coloquei na lista só não tive a oportunidade de lê-lo ainda, mas eu preciso saber o que, afinal de contas, esse marido é: Amoroso ou assassino.
    Obrigada pela ressenha e pela dica!!
    Bjs

  11. Maria Ferreira

    Olá.
    Eu achei a história muito bacana e fiquei curiosa para saber o que a Jean tem para contar.
    A narrativa que alterna o passado com o presente, realmente faz com que thriller seja diferente dos demais e isso é um ponto muito positivo.
    Abraços.

  12. cila-leitora voraz

    Oi Camila, sua linda, tudo bem?
    Estava super curiosa sobre esse lançamento da Intrínseca. Essa é a primeira resenha que leio. Nossa, é assustador pensar que não sabemos quem está ao nosso lado. De fato podemos afirmar que realmente conhecemos uma pessoa? Acho que não. Como ela poderia ter imaginado que o marido era essa pessoa horrível, capaz de cometer esse crime? Eu gosto muito da parte investigativa, mas sou fascinada pela parte psicológica, então, acho que irei adorar o livro. Não vejo a hora de ler. Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    1. Camila - Leitora Compulsiva Autor da Postagem

      Oi, Cila.
      Esse livro tem uma pegada bem mais voltada para as questões psicológicas do que de investigação, mas é muito interessante ver como a trama se desenvolve.
      A autora mantém um belo suspense sobre quem é o culpado pelo desaparecimento da criança!
      Valeu a pena!
      Beijos

  13. Gaby Marques

    Estava atrás de uma resenha sobre o livro, adoreei saber tua opinião sobre ele. Só me deixou mais curiosa e ansiosa para realizar a leitura. Sou uma grande fã do gênero e espero gostar bastante desse também 🙂 Ótima resenha!!

  14. Juliana Xavier

    Acho lindos demais livros com as laterais pretas! *-* E a cada dia gosto mais de thriller psicológico, então claro que me interessei pela leitura. Amo quando existe essa alternância entre presente e passado, e adorei saber que é complexo e envolvente.

  15. caroolkilljoy

    Olá, tudo bem? Nossa ele focando mais no psicológico e não nas ações deixa ele com cara de que será um pouco parada mesmo. Não é um dos meus gêneros favoritos, mas de tantas pessoas falarem bem, resolvi dar uma chance. Sim também acho essa edição lindíssima e a editora fez um ótimo marketing em cima dele. Adorei!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

  16. Daya Maciel

    Oi,
    Eu vejo sempre a capa desse livro e ficava meio assim se lia ou não. Eu sou viúva, deve ser isso que me deixava na dúvida.
    Eu amei a sua resenha, bom saber que é uma leitura mais lenta por ser mais um livro com relatos.
    Deve ser muito interessante conhecer a verdadeira versão da esposa, o que ela acha de verdade.
    Parabéns
    beijos

Deixe aqui seu comentário e ficarei muito feliz em responder!!!

%d blogueiros gostam disto: